DAEE reforça limpeza para combater mosquito da dengue no Parque Ecológico do Tietê.

O combate à dengue é muito mais que uma questão de saúde pública, mas tornou-se também uma ação ambiental. Por isso, o Parque Ecológico do Tietê (PET) reiniciou no Núcleo Engenheiro Goulart, o programa “Frente Contra a Dengue” que ocorre de segunda a quinta, das 8h às 14h. 

O programa “Frente Contra a Dengue” está previsto para todo o verão, época chuvosa em que o mosquito da dengue se prolifera com maior facilidade. Mesmo nunca tendo existido casos de dengue no parque, o objetivo da ação, segundo seu diretor, Edison Candido, é eliminar todos os possíveis focos do mosquito. 

Durante os quatro dias da semana cerca de 60 trabalhadores se dividem nas tarefas de coleta de possíveis criadouros da dengue. A Frente está eliminando com a utilização de areia e cascalho todas as poças de água encontradas no parque, além de realizarem poda de plantas e roça da grama. 

Estudo realizado pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), da Universidade de São Paulo (USP), mostrou que a utilização de 10 ml de água sanitária diluída em um litro de água é eficaz no combate à larva do Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, por até 20 dias. 

A pesquisa foi encomendada pela Associação Brasileira das Indústrias de Álcalis, Cloro e Derivados (Abiclor), com o objetivo de avaliar o efeito do cloro sobre as larvas do mosquito. De acordo com a pesquisa, o uso de hipoclorito de sódio a 2,5% (derivado do cloro, conhecido popularmente como água sanitária) é 100% eficaz na eliminação das larvas. Nessa concentração, as larvas são eliminadas em até 24 horas. 

O Parque Ecológico do Tietê, administrado pelo Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE), possui uma área total com cerca de 15,6 milhões de m²: 14 milhões de m² do Núcleo Engenheiro Goulart, 171 mil m² do Núcleo Vila Jacuí e cerca de 1,5 milhões de m² do Núcleo Ilha do Tamboré.

O núcleo funciona das 8h às 17h (entrada gratuita). Há estacionamento para 50 vagas no interior, próximo à administração do parque. Endereço: Rua Guira Acangatara, 70, São Paulo.  Telefone: (11) 2958-1477.  Atividades e equipamentos precisam ser agendados no Programa de Educação Ambiental, quiosques grandes. 

Artigo enviado pela Colunista: Rosi Cheque


Related posts

One Thought to “DAEE reforça limpeza para combater mosquito da dengue no Parque Ecológico do Tietê.”

  1. […] DAEE reforça limpeza para combater mosquito da dengue no Parque Ecológico do Tietê. […]

Leave a Comment