Notícias Barueri 

Durante o Novembro Azul, HMB realiza palestras sobre a saúde do homem.

No mês de combate ao câncer de próstata, popularmente conhecimento como Novembro Azul, o Hospital Municipal de Barueri Dr. Francisco Moran promoverá uma série de palestras sobre promoção e prevenção à saúde integral do homem. Na próxima terça-feira (dia 12), a abertura será com o tema “Urologista: uma consulta necessária ao homem”; na sequência, em 22/11, o assunto será a “Saúde do Homem”, e para finalizar o período, em 29/11, a proposta é “Prevenção e Combate ao Câncer de Próstata”. 

O objetivo da programação é disponibilizar profissionais especializados para conversar de forma acessível e confiável com pacientes, acompanhantes e colaboradores sobre a saúde do homem. “É de fundamental relevância a promoção de palestras para a difusão de informações e quebra de paradigmas quanto ao urologista e as doenças do homem. Inclusive porque o homem, em geral, é resistente a procurar ajuda médica. A família precisa participar das orientações para oferecer incentivo e apoio”, explica Jair Pedralli Junior, coordenador de urologia do HMB. 

Com base nos dados da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU), um homem morre em decorrência do câncer de próstata a cada 34 minutos, ou seja, são 42 mortes por dia. Essa doença é a segunda maior causa de morte por câncer em homens no Brasil, por isso a recomendação é que, após avaliação de risco pelo urologista, os homens realizem exames de PSA (Antígeno Prostático Específico) e de toque retal a partir dos 50 anos. Já em casos de obesidade mórbida, parentes de primeiro grau com esse tipo de câncer e/ou de raça negra, a indicação é começar aos 45 anos. 

A próstata, uma glândula localizada abaixo da bexiga, tem como principal função produzir uma secreção para nutrição e transporte dos espermatozoides. O câncer de próstata costuma ter seu desenvolvimento de modo silencioso, o que justifica a necessidade de rastreamento por meio do toque retal, capaz de detectar características como endurecimento e nódulos, que podem estar relacionados ao câncer. Apesar de ainda existir muita resistência, vale ressaltar que, de acordo com a SBU, esse exame é imprescindível na detecção precoce da doença.

“A única forma de acabar com o preconceito é com acesso à informação sobre o exame e sobre sua importância. E o médico também precisa ouvir o paciente para tirar todas as suas dúvidas e entender seus medos e crenças”, comenta o urologista. 

Além da programação de palestras abertas à população, o HMB também oferecerá cerca de 100 exames de PSA, avaliação sanguínea da proteína produzida pelo tecido prostático, durante o mês de novembro. O exame, com oferta de cinco coletas por dia, poderá ser agendado diretamente na recepção do Serviço de Apoio Diagnóstico Terapêutico (SADT), no piso térreo da unidade, mediante apresentação de documento de identificação e cartão do SUS.

Confira a programação completa:
12/11 – 15h
Dr. Gustavo Henrique da Costa Carneiro 
Urologista: uma consulta necessária ao homem 

22/11 – 15h
Fisioterapeuta Daniela Bueno Thurck 
Tema: Saúde do homem

29/11 – 15h
Dr. Jair Junior
Tema: Prevenção e combate ao câncer de próstata

Related posts

Leave a Comment