Notícias Barueri 

Projeto que incentiva a assiduidade dos alunos apresenta ótimos resultados.

Preocupada em garantir a assiduidade dos estudantes das escolas da rede, a Secretaria de Educação está tendo sucesso com a implementação do projeto “Quem Falta Faz Falta”. Aumento na frequência às aulas, mais participação dos familiares na vida escolar e melhoras nas notas são alguns dos excelentes resultados após a implantação do programa.

Após mais de um ano em funcionamento, a iniciativa já tem surtido excelentes efeitos em algumas escolas da rede, como a Emef Oswaldo Batista Pereira (Recanto Phrynea), a Emef Fioravante Barletta (Jardim Silveira), a Emef Alcino Francisco (Jardim Silveira), a Emef Adherbal Farbo (Vale do Sol), a Emef Reverendo Deiró (Jardim Paulista), a Emef Margarida Maciel (Vale do Sol), a Emef Lênio Vieira de Moraes (Jardim Santa Mônica) e a Emef Maria Meduneckas (Jardim Silveira). 

As gestões das escolas estão realizando projetos de incentivos diários para que os alunos evitem as faltas. Algumas medidas são adotadas por todas as escolas da rede, como identificar os motivos das ausências e desenvolver ações preventivas e saneadoras, acionar órgãos colegiados como o conselho da escola, a associação de pais e mestres e o grêmio escolar, além de comunicar os pais sobre as faltas dos estudantes e informar o Conselho Tutelar quando os alunos atingirem 20% de faltas, entre outras medidas. 

Para a supervisora Márcia Pereira, intervenções pontuais são extremamente necessárias para os alunos faltosos, uma vez que são esses, geralmente, que mais apresentam dificuldades de aprendizagem. “Queremos solucionar a situação juntamente com os pais e educandos, a fim de buscar o ensino de qualidade. Uma das ações das escolas em desenvolvimento é realizar visitas nas residências para identificar as causas das ausências em parceria com os docentes, famílias e gestores. O projeto Quem Falta Faz Falta tem colaborado para o retorno dos educandos, através também dos trabalhos desenvolvidos pelos próprios colegas da escola com atividades para que o aluno retorne, enfatizando o quanto ele é importante no ambiente escolar”, explicou.

A diretora da Emef Osvaldo Batista, Sirley de Paulo Reis, também está feliz com os resultados do projeto. “Quem Falta Faz Falta é imprescindível na educação, pois é pautado na motivação, no incentivo e na valorização do aluno como um todo. Esse projeto, como todos que estamos desenvolvendo aqui, é realizado com muito amor e dedicação no processo ensino-aprendizagem, fazendo toda a diferença na vida de nossos alunos e em nossas vidas, uma vez que é muito gratificante ver o envolvimento e o amor dos alunos pela escola, em especial nesse projeto em que as crianças sempre nos alegram com a frase ‘Quem Falta Faz Falta’”, conta.

Related posts

Leave a Comment