De rojões a Galvão Bueno, dia de jogos atormenta os pets; saiba como acalmá-los.

A cachorrinha Fifi tem 11 anos e meio e passa noites de quarta-feira e tardes de domingo tremendo. Como muitos animais de estimação, ela tem medo de fogos de artifício, tão comuns nos jogos de futebol. E, na noite desta quarta-feira, os céus devem ficar muito mais barulhentos do que o normal. Com a final da Copa Libertadores entre Corinthians e Boca Juniors marcada para 21h50, no Pacaembu, o número de rojões disparados pela cidade será alto – o setor de fogos de artifício reportou aumento de 200% nas vendas…

Read More