Você está aqui
Notícias Barueri 

Vias do bulevar terão tráfego desviado para mudar iluminação.

A partir desta semana, a Prefeitura de Barueri, por intermédio do Demutran (órgão da Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana), vai desviar o tráfego nas avenidas 26 de Março e Henriqueta Mendes Guerra (região do bulevar central), para que a AES Eletropaulo realize obras de conversão da rede elétrica aérea pela subterrânea. O prazo previsto para término é de 150 dias.

Os serviços contam também com a participação das secretarias de Obras e de Serviços Municipais e serão executados nas avenidas no trecho entre as ruas Campos Sales e Santa Úrsula. Integram a primeira etapa do projeto de modernização e revitalização do Bulevar Arnaldo Rodrigues Bittencourt e têm como objetivo modernizar e diminuir a poluição visual do Centro de Barueri.

Para a segunda fase, a Prefeitura de Barueri está providenciando um novo projeto que prevê benfeitorias como lâmpadas de LED, melhoria das calçadas e do paisagismo.

Alteração no tráfego
Os desvios serão feitos com o intuito de não prejudicar comerciantes, motoristas e pedestres. Para tanto, a Prefeitura de Barueri colocará dois tipos de faixas com orientações sobre desvios de tráfego e rotas alternativas.

Em relação aos acessos, as mudanças serão realizadas em quatro fases. Na primeira, o tráfego será fechado em trecho da avenida 26 de Março (sentido Alphaville). Neste caso, para voltar à via, o condutor passará pelas ruas Fioravante Barleta e Dom Pedro II e pela travessa Celidônio Guerra.

Em outra fase, a segunda, o desvio ocorrerá do outro lado – na avenida Henriqueta Mendes Guerra (direção Jardim Belval). O motorista só retorna à via após entrar na rua Enedina Chalupe Guerra, dirigir na rua Benedita Guerra Zendron e sair da rua Santa Úrsula.

A terceira fase de desvios voltará a acontecer na avenida 26 de Março, quando todo trecho estará fechado. Com isso, o motorista continuará seguindo pelas ruas Fioravante Barleta e  Dom Pedro II, mas não continuará por toda a travessa Celidônio Guerra: vai entrar pela baia externa de ônibus do Terminal Rodoferroviário Gualberto Tolaini e acessar a rua Professor João da Mata e Luz, passando em frente à Prefeitura de Barueri.

Já a quarta fase ainda está em estudos pelo Demutran.

Readequação
De acordo com a Secretaria de Obras, por conta da readequação, toda a alimentação de energia elétrica (ligações) dos imóveis da região central será feita pela AES Eletropaulo, por baixo do chão, sem custos para os proprietários. A fiação (cabos de telefonia) dos serviços de terceiros também não terá despesas cobradas pela empresa às concessionárias.

Related posts

Leave a Comment